Comprar

Apartamento T3+1 de charme em Alcântara, Lisboa

Lisboa, Lisboa, Alcântara
  • €820,000

Visão Geral

ID do imóvel: PROP-029316
  • Apartamento
  • Tipo de Imóvel
  • 3
  • Quartos
  • 2
  • Casas de Banho
  • 0
  • Garagem
  • 176

Vídeo

Tour Virtual 360 °

Descrição

Apartamento T3+1 em Alcântara, próximo do LX Factory, da Escola Avé Maria, do Instituto Superior de Agronomia, do Parque Nacional de Monsanto e de todo o comércio, serviços e transportes.

Este imóvel com 176 m2 de área bruta privativa, reabilitado em 2006 e inserido num prédio sem elevador, é composto por um hall (6 m2), uma sala (23 m2), uma sala de jantar (11 m2), uma cozinha (12 m2), um quarto (23 m2) com walk-in closet, uma outra sala (21 m2), que poderá ser transformada num quarto, com acesso a um quarto de cada lado (ambos com 10 m2), duas casas de banho completas (8 m2 e 5 m2) e uma zona de arrumos.

Dispõe, ainda de uma casa de banho social, transformada em despensa mantendo toda a canalização, sendo possível a qualquer momento voltar a ser casa de banho social.

Características:

– Prédio sem elevador
– Janelas de sacada
– Cozinha inglesa totalmente equipada com frigorifico, forno, placa, exaustor, máquina de lavar roupa, máquina de lavar louça e micro-ondas
– Soalho em madeira
– Tetos trabalhados
– Avenças de garagem disponível no prédio em frente

Debruçada à beira do Tejo, Alcântara é hoje uma freguesia com uma área que se estende por 4,39 km2 e com uma população de 13.911 pessoas. A freguesia foi criada a 8 de Abril de 1770, com o nome de S. Pedro em Alcântara por se transferir para esta zona aquela que era até então a freguesia de S. Pedro em Alfama.
Frequentemente associada ao vocábulo árabe “Al‐quantãrã”, “a ponte”, a toponímia desde logo remete para a existência de uma ponte sobre a ribeira de Alcântara, hoje desaparecida.

Local com colinas e vales, Alcântara tinha recursos naturais existentes nas margens da ribeira e terras férteis que permitiam uma agricultura rica e variada, com muitas hortas nos vales aluviais, vinhos e cereais, além de pedreiras de calcário, com fornos de cal. Foram estas condições que fizeram que durante a ocupação muçulmana estes terrenos começassem a ser ocupados ainda que de uma forma dispersa. Foi, contudo, a partir do século XVIII que Alcântara passou a ter uma ocupação urbana, coincidindo com a data de criação da freguesia.

Os edifícios fabris de finais do século XIX e que tanto marcaram a vida dos alcantarenses nas primeiras décadas do século XX, foram, entretanto, abandonados. O processo de industrialização vivido por Alcântara na 2ª metade do século XIX, deu lugar, cem anos depois, ao processo inverso e uma profunda transformação social, sendo grande parte deles hoje edifícios de habitação e empresariais.

-PROP-029316

Detalhes

  • Valor: €820,000
  • Área do imóvel: 176 m²
  • Quartos: 3
  • Salas: 2
  • Casas de Banho: 2
  • Garagem: 0
  • Tipo de Imóvel: Apartamento
  • Tipo de Negócio: Comprar
  • Estilo de vida: Cosmopolita
  • Estado do Imóvel: Usado
  • Disponibilidade: Disponível
  • Perto de: Banco, Centro da Cidade, Escola, Transportes Públicos, Zona Histórica, Áreas de Lazer, Espaços Verdes, Estacionamento, Auto-Estrada, Bombeiros, Estação Ferroviária, Farmácia, Hospital, Polícia, Comércio Tradicional
  • Vista para: Cidade
  • Tipologia: T3 + 1

Localização

Ver no Google Maps
  • Distrito Lisboa
  • Concelho Lisboa
  • Freguesia Alcântara
  • País Portugal

Classificação Energética

  • Classe Energética: D
  • A+
  • A
  • B
  • B-
  • C
  • | Classe energética D
    D
  • E
  • F
  • G

Imóveis Semelhantes

Comparar listagens

Comparar
Quintela + Penalva | Knight Frank
  • Quintela + Penalva | Knight Frank